Simone Alvim

“A Lei Maria da Penha deu às mulheres poder incontestável.”

– Dra. Simone Alvim, co-autora de Homens, Mulheres e Violência (2004) e co-diretora do documentário Em fim, Sós (2015), 2005.

/ / Comentários desativados em “A Lei Maria da Penha deu às mulheres poder incontestável.”

“A Lei Maria da Penha deu às mulheres poder incontestável.”

– Dra. Simone Alvim, co-autora de Homens, Mulheres e Violência (2004) e co-diretora do documentário Em fim, Sós (2015), 2005.

/ / Comentários desativados em “A Lei Maria da Penha deu às mulheres poder incontestável.”

“Homens, maiores reféns da violência, são ignorados nas campanhas e serviços públicos.”

– Dra. Simone Alvim, co-autora de Homens, Mulheres e Violência (2004) e co-diretora do documentário Em fim, Sós (2015), 2005.

/ / Comentários desativados em “Homens, maiores reféns da violência, são ignorados nas campanhas e serviços públicos.”

“Homens, maiores reféns da violência, são ignorados nas campanhas e serviços públicos.”

– Dra. Simone Alvim, co-autora de Homens, Mulheres e Violência (2004) e co-diretora do documentário Em fim, Sós (2015), 2005.

/ / Comentários desativados em “Homens, maiores reféns da violência, são ignorados nas campanhas e serviços públicos.”

“Homens não têm onde denunciar violência doméstica. Na delegacia são humilhados.”

– Dra. Simone Alvim, co-autora de Homens, Mulheres e Violência (2004) e co-diretora do documentário Em fim, Sós (2015), 2010.

/ / Comentários desativados em “Homens não têm onde denunciar violência doméstica. Na delegacia são humilhados.”

“Homens não têm onde denunciar violência doméstica. Na delegacia são humilhados.”

– Dra. Simone Alvim, co-autora de Homens, Mulheres e Violência (2004) e co-diretora do documentário Em fim, Sós (2015), 2010.

/ / Comentários desativados em “Homens não têm onde denunciar violência doméstica. Na delegacia são humilhados.”

“Mais mulheres que homens são absolvidas por assassinar seus cônjuges. É mais socialmente aceito.”

– Dra. Simone Alvim, co-autora de Homens, Mulheres e Violência (2004) e co-diretora do documentário Em fim, Sós (2015), 2005.

/ / Comentários desativados em “Mais mulheres que homens são absolvidas por assassinar seus cônjuges. É mais socialmente aceito.”

“Mais mulheres que homens são absolvidas por assassinar seus cônjuges. É mais socialmente aceito.”

– Dra. Simone Alvim, co-autora de Homens, Mulheres e Violência (2004) e co-diretora do documentário Em fim, Sós (2015), 2005.

/ / Comentários desativados em “Mais mulheres que homens são absolvidas por assassinar seus cônjuges. É mais socialmente aceito.”